Arquivo mensal: março 2014

Resenha: Liquidificador individual My Blend

Se você segue o Delas Pra Elas no Instagram (@delaspraelas), deve ter visto que o My Blend, da Oster, era um objeto de desejo. Isso que dá virar dona de casa, a gente passa a ter liquidificador na wish list… Agora, se você não segue, faz esse favor, vai?! ;o)

myblend-liquidificador-oster

Pois, bem. Eu me explico. Ele é um liquidificador para porções individuais e o copo onde os ingredientes são processados pode ser usado normalmente para o consumo da bebida que você fizer. Super prático. Nem tanto pelo copo multiuso, confesso, mas muito mais pela facilidade de uso, muito mais prático que o liquidificador tradicional ou um mixer.

Olha só como ele é:

myblend-resenha

Vem com a base, a peça com as lâminas (na foto acima está encaixada no copo azul), os copos e suas tampas. O meu veio com dois copos, mas há a opção de comprar apenas um.

Essa peça com as lâminas é a responsável pelo encaixe na base. Olha só:

myblend-resenha-itens

Como comentei, o uso é o mais prático do mundo. Adotei pra vida, juro. Não sei como vivi como dona de casa até hoje sem esse liquidificador – Oi? Tô doida mesmo, rs!

Bom, veja só e e pire você também:

1. My blender na tomada. O plug é diferente do nosso novo padrão nacional, mas nada que um adaptador não resolva.

myblend-tomada

2. Ingredientes no copo, fechado com a tampa das lâminas.

myblend-copo

3. Copo na base

myblend-copo-resenha

4. Quem precisa de botão? Aperta, fia. Pronto, tá funcionando!

myblend-uso5. Tira da base. Tira as lâminas. Se for sair de casa, coloca a tampinha do copo.

myblend

myblend-copo-resenha (2)

Ela tem até uma alça para facilitar o transporte do copo.

Acho que deu pra perceber que eu super recomendo, né? Ele me ajuda muito no dia a dia, principalmente logo cedo, com o café da manhã ou pré-treino.

Antes de contar com um super-frete-amigo pra trazê-lo dos EUA, pesquisei para comprar por aqui. Achei em um único site que cobrava R$350 pelo blender com um copo. Achei um absurdo!

Nos EUA não passa dos US$35 dólares. O meu acabou virando presente de aniversário de casamento, por isso não sei quanto foi exatamente. Então, se você estiver de malas prontas, vale trazer um desses. Tem na Target.

Resenha: Máscara de Cílios Upside Down Sephora

Quando soube que a Sephora lançou uma nova máscara de cílios com uma proposta mega diferente de tudo que já vimos, quase pirei. Achei o máximo e tratei de pedir uma encomendinha básica para uma amiga que estava nos EUA – pra minha sorte, já que ainda não está a venda no Brasil!

upsidedown-embalagem

A Upside Down Mascara é fora do padrão em todos os aspectos: embalagem e aplicador, que vem com duas “escovinhas” com formatos diferentes e que juntas parecem uma só. Para uni-las ou separá-las, basta manusear como uma pinça para os movimentos de “abre e fecha”.

sephora-upsidedownSegundo a Sephora, as escovinhas encaixam-se perfeitamente aos cílios e isso realmente acontece. A posição de uso é essa da foto abaixo, com a parte superior (com o meio mais largo) ficando na parte de cima dos cílios, já a inferior (com o meio mais estreito), na parte de baixo.

O aplicador “abraça” os cílios, dá uma olhada:

upsidedown-uso-sephora

Há também a possibilidade de usar como uma máscara normal. Para isso, basta segurar o aplicador “fechado”, com as duas escovinhas juntas. Nesse caso, o lado formado pela escova mais estreita deve ser usado para aplicar o produto nos cílios inferiores. Já a mais larga deve ser posicionada para dar o efeito aos cílios superiores.

Agora que vocês já viram os detalhes do produto, vamos ao que interessa: o uso!

Quem acompanha o Instagram do Delas Pra Elas (@delaspraelas) sabe que venho usando essa máscara há cerca de um mês. Queria conhecer bem antes de passar minhas impressões para você.

Ao retirar o aplicador da embalagem, as escovinhas vêm com muito produto. Dá uma olhada:

aplicador-upsidedown

Por isso peguei o hábito de remover o excesso com um pedaço de papel higiênico.

aplicador-sephora

No que diz respeito à aplicação nos cílios, achei o começo bem complicado. É difícil manobrar essa máscara e sempre acabo com o produto nas pálpebras, mesmo sentindo um pouco mais de facilidade com o dia a dia do uso.

sephora-epsidedown-aplicar

sephora-rimel-uso

Viu os borrões? No começo eles eram bem piores…

Tirando a dificuldade de aplicação por conta do modelo ser bem diferente do que estamos acostumadas, o aplicador cumpre bem seu papel, sem juntar os cílios em “tufinhos” – algo que me irrita muito. A principal vantagem é, sem dúvida, ele envolver os cílios na parte superior também.

Olha só o comparativo: com e sem a máscara.

upsidedown-sephora-resenha

Em relação à qualidade do produto, é bem o que conhecemos de Sephora, com uma pigmentação forte, boa durabilidade e sem borrões ao longo do dia. Ah, a Upside Down não é à prova d’água.

O resultado final, sem usar curvex.

sephora-upsidedown-r

Bom, minha opinião bem sincera é a seguinte: é um produto muito mais curioso do que efetivamente eficiente. Achei que o resultado não foge muito do que conseguimos com uma máscara convencional, por isso, se você já tem sua queridinha, não acho interessante arriscar. Mas, se gosta de conhecer produtos novos, vai em frente. O dinheiro não será perdido, já que ele pode ser usado como uma máscara normal caso não se adapte.

O valor é de US$22 na Sephora dos EUA. Deve chegar no Brasil daqui uns meses, mas caso não queira esperar, vale encomendar com os sites que importam produtos gringos ou, ainda, pedir pra aquela amiga que está de malas prontas.

E aí, gostou da resenha?

;o)

Forever 21: datas de abertura das lojas em São Paulo e no Rio de Janeiro

Depois de muitas especulações e uma certa demora para abertura de suas portas – o anúncio anterior prometia o final de fevereiro, veja aqui – a Forever 21 finalmente anunciou datas precisas!

Segundo a Vogue, a loja do Shopping Morumbi, em São Paulo, será a primeira a começar os trabalhos: 15 de março, às 10h da manhã! Com um espaço de 12 mil m² , a marca disponibilizará peças da coleção de inverno 2014, além da linha de acessórios e lingerie.

Olha só uma fotinha do lookbook de inverno 2014:

forever21

Foto: divulgação (Vogue)

Na sequência a fast-fashion chegará ao Rio de Janeiro, abrindo suas portas no dia 22 de março, no Shopping Village Mall.

E aí, animadas?

A melhor parte da notícia é que a marca promete se diferenciar das concorrentes com preços acessíveis – com itens que pode variar de R$ 8 a R$ 122 (!!) – e peças diferentes diariamente, com itens ficarão por poucos dias à venda para oferecer certa “exclusividade”.

A princípio, achei os preços justos. E você, ficou curiosa?

Resumo de Fevereiro

E aí, meninas? Curtindo muito o carnaval? ;o)

Bom, com feriado ou não, aqui estamos nós para o resumo do mês. Como dizem por aí, a gente tarda, mas não falha!

Vamos ver um pouco do que rolou no blog?

resumo-fevereiro2014

 

  • Resenha Clarisonic: tudo sobre essa maquininha que gera opiniões tão divergentes
  • Promoção da Quem disse, Berenice? – termina hoje (04/04), ainda dá tempo
  • Receitinha pá pum: salada de grão de bico, sucesso!

Gostou?

Beijinhos!